praetoria postestas brasilis

É oficial, Lula foi condenado.
Nove anos e meio de prisão para o líder máximo de uma quadrilha engendrada em açambarcar o poder num Império de riquezas públicas e iniciativa privada apta a ser corrompida.
Mas nem tudo é tão lícito ou claro como uma mera condenação de primeira instância faça crer.

suspeitos.jpg

Se a passiva agressividade que se arrastou até nos trazer aqui não desmerece o Juiz Sérgio Moro pela habilidade em lidar com o maior processo de corrupção público-privado que se assiste num País Democrático, a verdade é que ele e o ex-Presidente Lula padecem de um sintomático mal comum que parece alicerçar essa descolonização Brasileira de um Império formado num grito que teve mais de cólica que vitória.

Se Moro é a República de Curitiba, Lula é a República dos Trabalhadores. Um veste-se com a toga da justiça e o outro o fato de treino do justicialismo. Popular vr Populista. Ambos válidos, Ambos a face de uma mesma moeda, os Pretores de um Regime que se reconstrói ao mesmo tempo que se dilui em detrimento da sua renovação.
E se Moro sobreviverá apenas como a memória do Justiceiro Social que livrou o Brasil do seu cabecilha corrupto, Lula terminará com uma pena suspensa derivado à idade mas com a pena assessória de se tornar inelegível ad aeternum.

Os tempos e costumes são outros, as gavetas não guardam mais aquilo que as delações nos servem como aperitivo para prisão futura. O mesmo rumo seguirá Temer, Aécio e todos os que, tal como os Pretores Romanos, agiram sempre em juízo próprio e como general dos demais.
A impunidade actual agora é novo impeachment, num rumo a ser substituído pontualmente por Carmen Lúcia, Presidente do Supremo Tribunal Federal, justo nessa separação de poderes que os anteriores citados não souberam demonstrar.
Entretanto novos candidatos se procuram já que Lula de novo grita. Será cólera ou uma cólica?

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s